Logo Concurso de fotografia

Regras de participação

Artigo 1º
Objecto

  1. O presente concurso de fotografia tem como principal objectivo dinamizar um olhar que coloque a arquitectura e o património no nosso quadro de vida e que procure lançar a reflexão para a necessidade de os conhecer, promover e conservar.
  2. O presente concurso de fotografia é constituído pelas categorias: estudantes de arquitectura, arquitectos e público em geral.
  3. As imagens devem ser realizadas por estudantes de arquitectura, arquitectos e público em geral de um dos territórios de Língua Portuguesa, a saber, Angola, Brasil, Cabo-Verde, Goa, Guiné-Bissau, Macau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, que são os membros do Conselho Internacional dos Arquitectos de Língua Portuguesa — CIALP.
  4. O Júri atribui um único prémio para cada uma das categorias de submissão de imagens.
  5. Este concurso dará origem à elaboração de um catálogo e à realização de uma exposição digital, no sítio do CIALP, e com expressão física, quando existam os meios, com enquadramento em evento(s) organizado(s) pelas organizações membros do CIALP.

Artigo 2º
Entidade Organizadora

  1. O Concurso é organizado pelo CIALP.
  2. Compete ao CIALP a nomeação dos membros do Júri, em número de cinco (5) elementos.
  3. O CIALP pode angariar o financiamento de patrocinadores para premiar o vencedor e garantir as despesas com a produção e distribuição do catálogo e a montagem e itinerância da exposição (armazenamento, seguro, etc.).

Artigo 3º
Secretariado do Concurso

  1. O Secretariado do Concurso é composto pelo Gabinete de Apoio à Presidência do CIALP e funciona na sede do CIALP.
  2. Cabe ao Secretariado do Concurso, doravante designado Secretariado, a gestão e organização do Concurso, nomeadamente a recepção e verificação de admissibilidade dos trabalhos apresentados a Concurso e o acompanhamento dos trabalhos do Júri.
  3. Compete ao Secretariado a edição e o acompanhamento do catálogo e da montagem da exposição do Concurso, tanto em versão digital como física.

Artigo 4º
Júri

  1. O Júri é constituído por quatro (4) arquitectos e uma (1) personalidade de reconhecido mérito na área da fotografia.
  2. Compete ao Júri a classificação das fotografias apresentadas a Concurso, segundo critérios de conteúdo e comunicação do tema, qualidade estética e técnica.
  3. O Júri classifica as fotografias e comunica ao CIALP a imagem mais votada para cada uma das fotografias.
  4. Dos trabalhos do Júri é lavrada um acta que é tornada pública no dia do anúncio dos resultados do Concurso.

Artigo 5º
Tema do Concurso

O tema do Concurso é Património Arquitectónico CIALP dos países, regiões e territórios geográficos de língua oficial portuguesa, abordado sob o ponto de vista da sua comunicação, da sua estética e da qualidade técnica da fotografia.

Artigo 6º
Admissibilidade de imagens a Concurso

  1. As fotografias admitidas a Concurso são imagens:
    1. em suporte digital com formato jpg e dimensão máxima 5MB.
    2. não devem conter assinatura, marca de água ou qualquer identificação em metadados
    3. apresentadas dentro do prazo definido
    4. de origem geográfica nos dez (10) territórios CIALP.
  2. A ficha de inscrição e as imagens submetidas a concurso são enviadas através do site: www.cialp.org.
  3. Todas as imagens admitidas a Concurso são numeradas pelo Secretariado e o número que lhes tenha sido atribuído é o único elemento de distinção presente aos trabalhos do Júri.

Artigo 7º
Inscrição e submissão de imagens

  1. A participação no Concurso é gratuita e aberta a todos os arquitectos, estudantes de arquitectura ou público em geral de um dos territórios de Língua Portuguesa que integra o CIALP.
  2. Cada participante poderá apresentar no máximo três (3) imagens.
  3. A participação no Concurso pressupõe o preenchimento e submissão do formulário electrónico de inscrição disponibilizado no sítio do CIALP.
  4. Qualquer custo associado à participação e submissão de imagens é da responsabilidade do participante.
  5. O participante cede ao CIALP o direito de expor, publicar ou reproduzir parte ou a totalidade das imagens desde que salvaguardada sempre a indicação do seu autor.
  6. O participante é responsável pela originalidade das imagens apresentadas, garante a sua autoria e assume qualquer responsabilidade decorrente de reclamações de terceiros no que respeite a direito de autor e direitos conexos.

Artigo 8º
Calendário do Concurso

  1. A inscrição no Concurso realiza-se com a submissão do formulário electrónico de inscrição acompanhado das imagens, até dia 31 de maio 2019.
  2. O Secretariado informará por correio electrónico todos os participantes da boa recepção do formulário e das imagens submetidas.
  3. O anúncio público dos premiados no Concurso decorrerá durante o mês de junho de 2019.

Artigo 9º
Prémios

Será atribuído um 1º Prémio a cada uma das três categorias a concurso, constituído por:

Fotografia de autoria de Fernando Guerra e oferta de impressora no valor máximo de 200,00 euros.


A imagem vencedora da categoria estudantes será exposta na IX Bienal de Jovens Criadores da CPLP, Comunidade dos Países de Língua Oficial Portuguesa, a realizar-se em julho, em Angola. A CPLP envidará todos os esforços para assegurar a presença do vencedor neste evento.

Artigo 10º
Disposições finais

  1. A participação no Concurso pressupõe a plena aceitação do presente regulamento.
  2. O CIALP reserva-se o direito de decidir sobre qualquer questão omissa neste regulamento, podendo, para o efeito, solicitar a ponderação do Júri.
  3. É vedada a participação no Concurso aos responsáveis pelo seu acompanhamento, membros do Secretariado ou que constituam o Júri do Concurso.